Tipos de atendimento ao cliente que não funcionam

SAC Serviço de atendimento ao cliente

É muito comum observar a diversos tipos de atendimento ao cliente, porém não são todos que são realmente efetivos. Neste artigo, conheça os tipos de atendimento que não funcionam e podem prejudicar a sua empresa.

Saber a respeito desse assunto é fundamental para quem deseja evitar a adoção de métodos falhos que podem prejudicar as vendas e diminuir significativamente os resultados dos seus negócios.

O atendimento ao cliente

Um bom atendimento ao cliente é essencial para qualquer empresa que deseja crescer e apresentar bons números financeiros.

Porém é preciso também saber evitar utilizar métodos inadequados ou obsoletos que podem ter o efeito contrário e prejudicar o seu negócio.

Antes de qualquer coisa, é bom entender que a utilidade do atendimento é conquistar novos clientes e fidelizar os clientes antigos. Tudo isso é realizado com a adoção de técnicas que ajudam a lidar com os clientes.

Para não errar, é preciso evitar os tipos de atendimento ao cliente que não funcionam.

Confira, neste artigo quais, são esses tipos de atendimento e saiba como evitá-los para garantir bons resultados para a sua empresa.

Quais os tipos de atendimento ao cliente que não funcionam?

Veja, a seguir, quais os tipos de atendimento que não funcionam quando o assunto é atingir a excelência e aumentar as vendas da sua empresa.

Deixar o cliente esperar

Um tipo de atendimento ao cliente que não funciona de forma alguma é a espera, algo bastante recorrente, seja quando o cliente entre em contato por telefone, via internet ou até mesmo em um estabelecimento físico.

Quando você pede para o cliente aguardar, ele já fica incomodado e também é normal que ele se sinta menosprezado, por isso, evite esse tipo de ação.

Pedir para o cliente retornar depois

Essa é uma coisa bastante delicada. Quando se trata de um contato não pessoal, dificilmente o cliente irá retornar após o tempo solicitado. Caso seja um problema a ser resolvido, ele ficará ainda mais irritado de ter que retornar.

Caso seja um estabelecimento físico, as probabilidades de o cliente retornar são maiores.

Por isso é importante ter funcionários treinados para lidar com esta situação, de forma que saibam como agir nestes casos e convencer o cliente a voltar e não reclamar.

Contar para o cliente os problemas que a empresa possui

Isso é algo bastante visível, os funcionários quando erram têm o costume de explicar todos os problemas pelos quais a empresa passou para não conseguir resolver o que o cliente deseja.

Isso é um tipo de atendimento ao cliente que não funciona, afinal, o cliente não tem culpa dos erros da empresa e, na realidade, e não tem interesse de saber. No final, esse tipo de abordagem pode ser vista como enganação por parte do cliente.

Subestimar o poder do boca a boca

Acreditar que o boca a boca é um tipo de atendimento ao cliente que não funciona é um verdadeiro problema para muitas empresas.

Saiba que o que falam da sua empresa é muito importante, por esse motivo, uma pequena falha pode ser considerada enorme através do boca a boca; assim como um tratamento diferenciado também será disseminado com muita rapidez.

Agora que você sabe os tipos de atendimento ao cliente que não funcionam, é preciso evitar que eles sejam adotados na sua empresa! Siga as nossas recomendações e fique encantado com os resultados!

Você sabe se o atendimento da sua empresa está, ou não, dando certo? Baixe o nosso eBook “Manual rápido do NPS” e descubra!

ebook manual rápido do nps - gestão do feedback do cliente em tempo real

[CDATA[ */function read_cookie(a) {var b = a + "=";var c = document.cookie.split(";");for (var d = 0; d < c.length; d++) {var e = c[d]
[CDATA[ */function read_cookie(a) {var b = a + "=";var c = document.cookie.split(";");for (var d = 0; d < c.length; d++) {var e = c[d]
[CDATA[ */function read_cookie(a) {var b = a + "=";var c = document.cookie.split(";");for (var d = 0; d < c.length; d++) {var e = c[d]
[CDATA[ */function read_cookie(a) {var b = a + "=";var c = document.cookie.split(";");for (var d = 0; d < c.length; d++) {var e = c[d]
[data-image-id='gourmet_bg']
[data-image-id='gourmet_bg']
[data-image-id='gourmet_bg']
[data-image-id='gourmet_bg']
[data-image-id='gourmet_bg']
[data-image-id='gourmet_bg']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[data-image-id='gourmet']
[CDATA[*/function read_cookie(a) {var b = a + "=";var c = document.cookie.split(";");for (var d = 0; d < c.length; d++) {var e = c[d]
[CDATA[*/function read_cookie(a) {var b = a + "=";var c = document.cookie.split(";");for (var d = 0; d < c.length; d++) {var e = c[d]